Cristiane Poleto
Brasília DF - 21/06/2018

Destaques

Imprimir   Diminuir Fonte   Aumentar Fonte

Águas Claras - O canteiro de onde brotam arranha-céus

21/05/12

Bookmark and Share

Composta por áreas luxuosas de lazer e prédios elevados, cidade se tornou o foco de imobiliárias e construtoras que sonham em ampliar o número de condomínios verticais


Cidade completa, com todo tipo de serviço, metrô à disposição dos moradores e muita qualidade de vida. Águas Claras é assim e desperta o orgulho dos moradores Foto: Toninho Tavares

Cidade completa, com todo tipo de serviço, metrô à disposição dos moradores e muita qualidade de vida. Águas Claras é assim e desperta o orgulho dos moradores

Classificada em 2003 como a 20ª região administrativa do Distrito Federal, Águas Claras foi uma cidade planejada pelo arquiteto e urbanista Paulo Zimbres. Começou a ser construída na década de 1990 e conta com uma área de aproximadamente 31,5 km². Tem 135.683 habitantes, de acordo com a pesquisa distrital por amostra de domicílios (PDAD), feita pela Codeplan em outubro de 2010, e está situada entre Taguatinga, Guará, Vicente Pires e Park Way, com a estrada Parque Taguatinga (EPTG) como principal via de acesso.


Atualmente, 65% de Águas Claras estão construídos, restando apenas 35% para concluí-la. Manoel Carneiro de Mendonça Neto, administrador regional, acredita que a cidade foi uma grande oportunidade de moradia e investimento para a classe média e, principalmente, para os “filhos do Plano Piloto”. “Águas Claras é uma opção de cidade moderna que oferta apartamentos requintados com o preço do metro quadrado acessível à classe média. Esse foi um dos principais motivos para o boom da região”, acrescenta.


Residente há 14 anos do Condomínio Residencial Águas Claras II, Laís Mônica, estudante de publicidade e propaganda, de 19 anos, lembra como era a cidade quando se mudou para lá e ressalta as alterações na infraestrutura da cidade. “Nunca vou esquecer o dia em que eu e minha família nos mudamos. Era terra por todo lado, não existia rua asfaltada e não havia comércio. Só tinha, basicamente, nosso condomínio, terra, barro e muita poeira. Hoje Águas Claras é quase completa. Tudo asfaltado, com escolas boas, vários comércios com opções de lazer e entretenimento”, conta a estudante.


Uma região segura

Laís Mônica elogia o suporte que a cidade dá aos moradores e ressalta a facilidade de conseguir suprir todas as suas necessidades. Ela considera Águas Claras uma região segura para viver com a família e usufruir das regalias que oferece, como o parque ecológico e os shoppings. Laís considera a localização um dos responsáveis pelo carinho que tem pela cidade. Apesar de não se imaginar em outro lugar, revela que, como em toda cidade em desenvolvimento, Águas Claras tem problemas que já incomodam, como o trânsito e a falta de energia elétrica.


O administrador conta que serão colocadas pela CEB, ainda neste semestre, aproximadamente 70 subestações de energia, um novo transformador, porquanto o antigo não comporta mais. A bitola dos fios será trocada por bitolas mais grossas para aguentar a demanda da população. Com isso, aumentará a capacidade elétrica da cidade, primeiro passo para ampliar a capacidade do metrô acrescentando mais vagões à linha.


O transporte público também será incrementado. Águas Claras tem um projeto com o DFTrans com ônibus executivos compostos com ar-condicionado e internet. Sairão de certos pontos da cidade e trafegarão nos corredores exclusivos. Assim, os moradores serão incentivados a deixar o carro em casa e a usufruir do transporte público. A maioria dos moradores da região pensa no futuro da cidade, principalmente no engarrafamento, pois ainda há área para se construir.


Cidade completa, com todo tipo de serviço, metrô à disposição dos moradores e muita qualidade de vida. Águas Claras é assim e desperta o orgulho dos moradores Foto: Gilda Diniz

Manoel Carneiro anuncia uma série de medidas destinadas a melhorar a cidade


Com o objetivo de diminuir o caos no trânsito, a avenida Parque Águas Claras será duplicada e, com uma parte da Flamboyant, fará um sistema binário perto do local da segunda saída da cidade para construir uma terceira saída. O objetivo é descongestionar o balão em frente à Unieuro e a saída para o Park way. A obra começará este ano e, quando estiver pronta, três grandes avenidas cortarão a região, o que resultará em um fluxo interno reduzido.


Crescimento se assemelha ao do Sudoeste

O desenvolvimento de Águas Claras foi acelerado. Há quem o associe ao crescimento do Setor Sudoeste durante a finalização do bairro, porque, além das construções por toda parte da cidade, houve uma generosa valorização no mercado imobiliário. Diante de um dos metros quadrados mais caros do DF, as construtoras e imobiliárias investem cada vez mais em condomínios verticais completos e seguros, tornando-os o diferencial da cidade.


Carlos Eduardo Fernandes, superintendente de incorporação da Brookfield, explica o crescimento do mercado imobiliário de Águas Claras. “O mercado da cidade é mais maduro e bem estabelecido, além de ter volume de oferta e ser ponderado. São várias construtoras investindo na região, ou seja, muitas opções. Obedecem às tendências de mercado com condomínios que trazem muitos itens de lazer, serviços, segurança e qualidade de vida. Além de tudo, tem o portfólio misto, com imóveis para famílias ou para jovens e executivos”, conclui Fernandes.


Lançamentos no mercado de Águas Claras são renovados semanalmente. O Spot da Brookfield Incorporações é um deles. Associa itens exclusivos e com boa localização. O empreendimento fica próximo a centros de compras e hipermercados, além de colégios e faculdades. É composto por uma torre com 295 unidades, de um e dois quartos, que variam entre 30 m² e 70 m². Terá serviços pay-per-use e espaços de lazer como salão de festas e gourmet, piscina, sauna, fitness e todos os equipamentos necessários para a praticidade e conforto do morador.


A cidade tem um mercado futuro promissor. Moradores de outras regiões do DF procuram cada vez mais condomínios em Águas Claras a fim de unirem qualidade de vida, segurança e preço acessível. Os empreendimentos estão rodeados por restaurantes de qualidade, shoppings e academias. “O que a cidade pode oferecer tem sido o diferencial na procura por apartamentos. Águas Claras abriga famílias, pessoas solteiras e executivos. Condomínios clube e mistos são a tendência do mercado imobiliário da região”, finaliza o superintendente. 


Fonte Gabriela Vinhal - Redação Jornal da Comunidade

Fonte: http://comunidade.maiscomunidade.com/conteudo/2012-05-19/imoveis/133672/O-CANTEIRO-DE-ONDE-BROTAM-http://comunidade.maiscomunidade.com/conteudo/2012-05-19/imoveis/133672/O-CANTEIRO-BROTAM-ARRANHACEUS.pnhtml.pnhtml

Imóveis


Documento sem título Linked in
Especialistanet © 2011