Cristiane Poleto
Brasília DF - 21/10/2018

Destaques

Imprimir   Diminuir Fonte   Aumentar Fonte

A hora de Comprar é Agora

29/05/11

Bookmark and Share

A hora de comprar é agora!


Empreendimentos dos mais variados segmentos e em diversas cidades do DF e do Entorno proporcionam uma chance imperdível a quem deseja comprar imóvel



Tamanho da Fonte     NATALIA RABELO

nrabelo@jornaldacomunidade.com.br

SILVANA AMARAL

samaral@jornalcoletivo.com.
 Redação Jornal da Comunidade




Mercado imobiliário do Distrito Federal vem apresentando, de dois anos para cá, um crescimento bastante expressivoFoto: DivulgaçãoMercado imobiliário do Distrito Federal vem apresentando, de dois anos para cá, um crescimento bastante expressivo

Esta edição do Imóveis & Construção, Especial Oportunidades, traz uma série de matérias sobre as excelentes possibilidades para quem deseja realizar o sonho da casa própria ou investir no mercado imobiliário com segurança e rentabilidade. São empreendimentos residenciais, comerciais e centro clínicos para todos os gostos e bolsos no Plano Piloto, cidades-satélites e Entorno.



Leonel Alves, diretor comercial da Lopes Royal Empreendimentos Imobiliários, conta que o mercado imobiliário no DF apresenta, de dois anos para cá, um crescimento fenomenal, principalmente no segmento de lançamentos. Em Brasília a velocidade de vendas é boa e eventos como a Copa do Mundo e Copa das Confederações devem manter o mercado aquecido nos próximos 10 anos, aposta Leonel.




“As obras que envolvem esses eventos devem movimentar o mercado imobiliário antes, durante e depois. Mercado que nos últimos dez anos teve um crescimento de 575%. Fizemos uma pesquisa em nossas tabelas a qual mostrou que em 2000 o preço do m² no Plano Piloto era de R$ 1.629. Hoje gira em torno de R$ 9 mil a R$ 10 mil e no Sudoeste chega a R$ 11 mil. A valorização aconteceu em diversas regiões do DF”, comemora Leonel. Ele conta que o programa Minha Casa, Minha Vida veio para atingir um público antes pouquíssimo atendido pelo setor, que hoje impulsiona o mercado em todo o país.




Daniel Humberto, sócio-diretor da Coelho da Fonseca, diz que Brasília é um mercado consolidado e próspero. Desde a abertura da empresa, em meados de 2010, todas as expectativas e metas foram totalmente superadas.




A imobiliária tem lançamentos residenciais e comerciais em regiões como Noroeste, Águas Claras, Samambaia, Lago Norte, Park Sul, Guará e às margens do Lago Paranoá. “Contamos com mais de 200 corretores de lançamentos e revenda trabalhando diretamente nas vendas. Temos cerca de 20 empreendimentos em Brasília e satélites para comercializar durante este ano. São  apartamentos de um, dois, três e quatro quartos, coberturas, salas comerciais e lojas”, contabiliza o diretor.


 


Nicho

As cidades do Entorno se revelam um nicho para as empresas dos setores imobiliário e da construção civil e moradores que buscam morar em condomínios fechados com segurança e lazer a preço acessível. Impulsionados pelo Minha Casa, Minha Vida, municípios como Valparaíso, Águas Lindas, Formosa e Cidade Ocidental recebem empreendimentos que mudam a paisagem local e levam um novo conceito de morar a essas cidades.




Fabricio Garzon, diretor da MGarzon Eugenio Inteligência Imobiliária, diz que as cidades do Entorno do Distrito Federal estão ganhando destaque no mercado imobiliário e quer as empresas olhando com interesse para elas. A MGarzon está com empreendimento de três e quatro quartos que deve ser lançado no município de Formosa no próximo mês.


 


Um bairro para lá de ecologicamente correto



Obras em ritmo acelerado no Setor Noroeste: primeiro bairro ecológico do psaís é um dos atrativos do mercado imobiliárioFoto: Gilda Diniz/CedocObras em ritmo acelerado no Setor Noroeste: primeiro bairro ecológico do psaís é um dos atrativos do mercado imobiliário


Projetado para ser ecologicamente correto, o Setor Noroeste já é uma realidade no DF.  Vários empreendimentos dentro do conceito de sustentabilidade estão com obras em ritmo acelerado. O primeiro bairro ecológico do país virou sonho de consumo de muitos que almejam um imóvel no Plano.

Por ser a única cidade com moldes ecológicos no país, o Setor Noroeste foi planejado para ser referência e tem como proposta corrigir os erros dos outros bairros. Leonel Alves, diretor comercial da Lopes Royal, explica que uma das grandes preocupações da população de Brasília é o trânsito, por isso o setor terá o cuidado de limitar o número de habitantes na região: “É um bairro com previsão de 40 mil habitantes. Não será uma região adensada, até mesmo por questões de impacto ambiental”, observa.




O Setor Noroeste tem, aproximadamente, 30 lançamentos imobiliários. Leonel destaca que a maioria com sucesso de vendas: “As pessoas estão acreditando no Setor Noroeste e a cada lançamento muitas se interessam em adquirir um imóvel. Temos fila de espera para os empreendimentos que estão por vir”, conta o diretor da Lopes Royal.




Considerado uma das re-giões mais valorizadas do DF e que mais movimenta o mercado imobiliário, o Noroeste tem o metro quadrado comercializado em torno de R$ 10 mil. Os modernos empreendimentos oferecem conforto, segurança, comodidade e qualidade de vida com áreas de lazer, academias e salas de cinema, entre outras opções.



Conceitos ecológicos

O diretor de incorporação imobiliária da Via Engenharia, Tarcísio Rodrigues Ferreira Leite, explica que os residenciais da empresa no Noroeste seguem a proposta de uma nova geração de empreendimentos, agregando os conceitos ecológicos do bairro: “Eles terão sistemas de otimização de recursos naturais como gás, água e energia solar, além do uso de materiais ecologicamente corretos, como madeiras certificadas e paredes que promovem o conforto térmico e acústico dos ambientes, entre outros diferenciais”, enumera. Em relação aos acabamentos, o diretor garante: “São todos de alto-padrão e os equipamentos, de alta tecnologia”.




Tarcísio considera que o Setor Noroeste é um bairro único em Brasília e vai contemplar a evolução da qualidade de vida no Plano Piloto: “A proximidade com o Parque Burle Marx, a acessibilidade e diferenciais de sustentabilidade, bem como as soluções de vias de transporte público, pedestres e de ciclistas, serão grandes diferenciais. As áreas residenciais têm distância preservada do comércio de grande fluxo, portanto, é um bairro ecológico, moderno e tranquilo, totalmente preparado para o futuro”, acredita.




A PaulOOctavio Empreendimentos Imobiliários tem quatro projeções para lançar no Noroeste. Duas estão previstas para serem lançadas este ano e as outras em 2012. A empresa já lançou três empreendimentos em parceria com a Rossi: o Persona Versare, Persona Ventura e Persona Libertate.

Pioneira em lançamentos no Noroeste, a Brasal Incorporações também investe no novo bairro. A incorporadora já lançou três empreendimentos: Reserva Noroeste, Reserva Parque Noroeste e Reserva Especial. Além disso, trabalha em projetos de altíssimo padrão para os próximos empreendimentos.


Fonte: Jornal da Comunidade


Fonte: http://comunidade.maiscomunidade.com/conteudo/2011-05-28/imoveis/99017/A-HORA-DE-COMPRAR-%C3%83%E2%80%B0-AGORA!.pnhtml

Imóveis


Documento sem título Linked in
Especialistanet © 2011